Como abrir uma empresa?


Ser dono do próprio nariz no Brasil é especialmente complicado.

Com essa de MEI (Microempreendedor Individual) o governo está laçando muitos desavisados, com promessas descaradas de coisas que, na prática, não existem.

Crédito bancário para MEI? Piada. Ausência de custos? Piada também.

É muito mais interessante, abrir-se uma ME (Micro empresa). Consulte um escritório de contabilidade de sua confiança. Lembre bem.... de confiança!

Fuja das promessas. Recorra a profissionais de confiança.


Passos para abrir uma empresa

Primeiro passo

Definir a natureza comercial (Comércio, Indústria ou Prestação de Serviço).

Segundo passo

Verificar junto às Praças de Atendimento da Prefeitura Municipal, se o imóvel que será sede do empreendimento possui Certidão de Conclusão – Habite-se e Alvará de Uso do Solo, se existem pendências ou restrições que impeçam a constituição do empreendimento no endereço pretendido, especificamente se a atividade pretendida é compatível com a Lei de Zoneamento da Cidade.

Terceiro passo

Busca de nome empresarial idêntico ou semelhante.
Por lei, não pode haver duas empresas com nomes idênticos no mesmo ramo de atividade e dentro do mesmo Estado.

Quarto passo

Registro da Empresa e proteção ao nome empresarial.

Quinto passo

Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) e Inscrição na Secretaria da Fazenda Estadual (IE).

Sexto passo


Inscrição Municipal - Todo empreendimento é obrigado a fazer a sua inscrição no município em que está estabelecido.

Sétimo passo

Inscrição na Previdência Social (INSS).  Todo empreendimento deve inscrever-se no INSS.

Oitavo passo

Alvarás e licenças - Alvará de funcionamento, declaração de funcionamento de atividade geradora de interferência no tráfego, licença sanitária e licença ambiental

Nono passo


Solicitação de autorização para impressão de documentos fiscais na agência de receita estadual.

Décimo passo

Inscrição na Caixa Econômica Federal. Para inscrição do empreendimento do FGTS, o responsável deve dirigir-se a uma unidade mais próxima da Caixa Econômica Federal com uma cópia dos atos de constituição do empreendimento (contrato social, estatuto, ata, CNPJ, etc.) e cópias autenticadas do RG e do CPF do responsável e fazer Conectividade Social.

Alguns destes passos podem em casos específicos ser desnecessários. Apenas seu contador poderá orientá-lo especificamente.

Apesar de parecer complicado, geralmente os escritórios de contabilidade fazem tudo. Você só precisa providenciar os documentos.

Nenhum comentário

......
Web Statistics