Juiz Jeronymo Pedro Villas Boas anula outra união gay em Goiás


O juiz de Goiânia Jeronymo Pedro Villas Boas, que ficou nacionalmente conhecido há quinze dias por anular, pela primeira vez, uma união gay no país, voltou à carga. Villas Boas revogou uma segunda união estável de dois homens que moram juntos há 22 anos.


O juiz de Goiânia Jeronymo Pedro Villas Boas que é pastor da Assembléia de Deus.

Como alguém que É PAGO COM DINHEIRO PÚBLICO para defender o cidadão age como se suas crenças pessoais  fossem parte integrante do "Estado".

Fim de carreira.

Na recente decisão, o juiz afrontou mais uma vez o entendimento do Supremo, que reconheceu no início de maio esse tipo de relação. A decisão da semana retrasada foi cassada.

Villas Boas disse que, como não há na Constituição previsão implícita ou explícita de que a família possa ser formada por duas pessoas do mesmo sexo, nenhum dos poderes submissos à Carta Magna pode incluir este tipo de relação.

Coragem juiz! Porque isenção você não tem.
......
Web Statistics