Header Ads

Os 10 criminosos mais procurados do mundo em 2014

Criminosos

Lista dos 10 criminosos mais procurados do mundo em 2014

Joaquin Guzman

Conhecido como “El Chapo” ou “baixinho” (shorty, em inglês), é um dos principais traficantes de cocaína e maconha para os EUA. Acredita-se que esteja escondido em montanhas no norte mexicano. Está foragido desde 2001, quando escapou de uma prisão mexicana, onde havia sido condenado por lavagem de dinheiro. Atualmente, tem 53 anos e coordena o cartel “Sinaloa”.

Ayman al-Zawahiri

Suposto líder da Al-Qaeda, é associado a bombardeios terroristas nas embaixadas da Tanzânia e Quênia nos EUA, estando foragido desde 1998. Era o maior parceiro de Osama e o nº 2 da Al-Qaeda, e agora, provavelmente, assumiu o comando da mesma.

Dawood Ibrahim

Caçado pela polícia indiana, esse homem já liderou uma organização criminosa chamada D-Company, com mais de 5 mil homens. A maior parte de seus crimes envolve assassinatos, tráfico e contrabando, alguns em envolvimento com a Al-Qaeda. Também é associado a diversos ataques terroristas, e acredita-se que esteja atualmente no Paquistão.

Semion Mogilevich

Provavelmente o principal nome da máfia russa, foi preso em 2008 após ser acusado de não pagar impostos, mas foi solto em 2009. Desde então, acordos entre os governos dos EUA e Rússia são propostos, mas nunca efetivados. Apesar das denúncias oficiais sobre Mogilevich serem brandas, ele está associado a diversos crimes mais pesados, como assassinato por encomenda e tráfico de armas, incluindo atômicas.

Nasir al-Wuhayshi

Antigo secretário de Bin Laden, é o líder de uma poderosa facção da Al Qaeda no Iêmen, onde escapou de uma prisão de segurança máxima em 2006. Desde então, tem reconstruído seu império e já assumiu autoria em ataques terroristas e contra unidades de defesa dos EUA, como um centro de alistamento militar em Little Rock.

Matteo Messina Denaro

Esse mafioso italiano é um dos maiores criminosos europeus, e continua foragido mesmo após uma onda de prisões realizada pela polícia italiana, que prendeu quase todos seus comparsas. Seu apelido é “diabólico” e sua popularidade só cresce desde que, em 2011, apareceu na lista dos mais procurados pela primeira vez. Com carros rápidos e relógios caros, ele é uma versão atualizada do Don Corleone.

Alimzhan Tokhtakhounov

Conhecido como “Taiwanchik”, esse mafioso é poderoso na Rússia e está envolvido com tráfico de drogas, armas e uso de veículos roubados, entre outros. É apontado como um mandante de tudo que acontece em Utah, de concursos de beleza à eventos olímpicos. Já foi quase preso 2 vezes mas saiu ileso, o que lhe deu uma aura de “intocável”.

Felicien Kabuga

O homem mais procurado da África e genocida famoso, é apontado como um dos principais financiadores de um massacre que matou mais de 800 mil pessoas na Ruanda, em 1994. Pela rádio, o governo de Kabuga incitava a violência entre as etnias africanas Tutsi e Hutu, além de dar armas, facões e veículos para seus soldados matarem civis rebeliosos.

Joseph Kony

O líder do “Exército de Resistência do Senhor”, grupo que tenta tomar o controle da Uganda e instaurar um governo teocrático no país. Matou pessoas em Uganda, Congo, Sudão e outros países africanos, além de ter sequestrado mais de 60 mil pessoas, entre elas, 30 mil crianças. Como forma de iniciação em seu grupo, obriga crianças a matar seus pais, uma das muitas práticas que integram a lista de suas 33 atividades criminosas listadas.

Doku Umarov

Chamado de “Bin Laden russo”, lidera o “Caucasus Emirate”, na parte sul da Rússia. Assumiu autoria em diversos ataques terroristas, incluindo ataques de homem-bomba em estações de metrô e aereportos russos. 5 milhões são oferecidos para qualquer informação que leve à sua captura.