Os maiores enganos do pobre - Contém humor!

Os maiores enganos do pobre


Inveja


Pobre vive dizendo que estão com inveja. Ninguém tem inveja de pobre. E tenho dito.
Ninguém tem inveja da casa, do carro, do celular ou do marido de pobre.


Roupa falsificada


Pobre deseja roupas de grife para parecer rico, não porque está preocupado com qualidade.
Só que, quando compra roupa falsificada, dá o que chamamos de tiro no pé.
Não há maior bandeira de que a pessoa é pobre do que ser vista com uma bolsa Louis Vuitton que todo mundo sabe que ela não tem dinheiro para comprar. E portanto, está na cara que é falsa.


Gostar de trabalhar


Poucas almas tem o prazer e a opção de trabalhar com o que gosta.
E geralmente estas pessoas não são pobres.
Ninguém gosta de trabalhar para os outros, a gente é que se convence disso para não surtar.


Crochê


Crochê é muito cafona e talvez um dia se torne cult, como um pinguim de geladeira.
Um dia quem sabe, mas por hoje, é muito cafona.


Bolo falso


Aquele bolo falso que pobre adora colocar na mesa de festas de aniversário e casamento surgiu para substituir o bolo de verdade e assim evitar que esse estrague ou alguém meta o dedo.
Não mensagem de pobreza mais eloquente ao universo que um bolo falso.


Capinha de celular


Haaaa mas talvez haja sim um recado de pobreza ao universo maior que um bolo falso.
Uma capinha de celular.
As corporações gastam bilhões para desenvolver smartphones pensando em estética, dimensões e outras questões relacionadas a aquecimento.
Aí vem o pobre e compra uma capinha de 10 reau e acaba com tudo isso.
Deus tá vendo.

E aí? Tem mais algum engano de pobre que eu não lembrei aqui?


CONVERSATION